Comissão de Ética em Pesquisa e Integridade

Com o objetivo de fortalecer e promover a pesquisa em Educação, a ANPEd instituiu uma instância voltada às questões relacionadas à Ética na Pesquisa. 

A preocupação da Associação com o tema não é recente. Há um acúmulo de discussões sobre a questão nas reuniões anuais, no Comitê Científico e no Forpred. Na 36ª Reunião Nacional da ANPEd, em Goiânia no ano de 2013, foi realizada a Sessão Especial sobre “Princípios e procedimentos éticos na pesquisa em Educação”.

Desde então, a ANPEd passou a ter representação no GT da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep), encarregado de elaborar uma Resolução Complementar à Resolução nº 466/2012, de forma a atender as especificidades das áreas de Ciências Sociais e Humanas.

Nesse espaço, os pesquisadores da área de Educação têm acesso a:

  • Publicações e textos sobre ética na pesquisa.

  • Relatos de Comitês e Comissões de ética em pesquisa.

  • Notícias e links de interesse.

Os pesquisadores também podem enviar relatos de encaminhamentos e experiências de Comitês e Comissões de Ética, bem como textos sobre a utilização dos procedimentos de revisão ética (Plataforma Brasil) e sugerir tribos que contribuam com o debate por meio do e-mail: eticanapesquisa@anped.org.br.

Com essa iniciativa, a ANPEd pretende ampliar a discussão da ética em pesquisa, tanto em seus procedimentos práticos quanto em seus fundamentos e implicações.

Dossiês e sessões temáticas

a) Suplemento “Ética em Pesquisa”, publicado na Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde (v. 2, Suplemento, 2008).

b) Seção temática “Ética na Pesquisa”, publicada na Revista Práxis Educativa (v. 9, n. 1, 2014)

c) Dossiê: Ética e História Oral”, publicado na Revista História Oral (v. 17, n. 2, 2014);

d) Editorial da Revista Educação & Sociedade (v. 36, n. 133, 2015)

e) Dossiê “Ética, pesquisa, história: desafios na produção do conhecimento”, publicado na Revista História e Perspectiva (v. 28, n. 52, 2015)

f) Seção temática – Estudos e pesquisas com crianças: desafios éticos e metodológicos, publicada na Revista Currículo Sem Fronteiras (v. 15, n. 1, 2015)

g) Dossiê “Comitês de Ética em Pesquisa: caminhos e descaminhos teórico-metodológicos”, publicado na Revista Brasileira de Sociologia, (v. 3, n. 5, 2015)

h) Dossiê “Ética e pesquisa com imagens”, publicado na Revista Teias (v. 14, n. 42, 2015)

i) Seção temática “A ética na pesquisa em Ciências Humanas e Sociais: continuando o debate, publicada na Revista Práxis Educativa (v. 12, n, 1, 2017)

j) Dossiê – Regulação da Ética na Pesquisa, publicado na Revista Educação PUCRS (v. 40, n. 2, 2017)

k) Seção: Ética em pesquisa em contextos educativos, publicado na Revista EDaPECI (v. 17, n. 2, maio./ago. 2017)

l) Seção temática: Ética na pesquisa, publicada na Revista Práxis Educativa (v. 12, n.3, set./dez. 2017).

m) Dossiê: Desafios e Dilemas da Ética em Pesquisa nas Ciências Humanas, publicado na Revista Mundaú (n. 2, 2017).


Relatório produzido pelo FORPREd

MAINARDES, J. Relatório do levantamento sobre ética na pesquisa – PPGEs (2013).

Traduções 

BERA – British Educational Research Association. Diretrizes Éticas para Pesquisa em Educação, quarta edição (2018).

AERA. American Educational Research Association. Código de Ética. Práxis Educativa, v. 12, n. 3, 2017.


Questões e debates sobre regulamentação da ética em pesquisa

ALVES, D. A.; TEIXEIRA, W. M. Ética em pesquisa em ciências sociais: regulamentação, prática científica e controvérsias. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 46, e217376, p. 1-20, 2020.

AMARAL FILHO, F. S. Ética e pesquisa nas Ciências Humanas e Sociais: um caso a ser pensado. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 12, n.1, jan./abr. 2017.

BARBOSA, A. S.; CORRALES, C. M.; SILBERMANN, M. Controvérsias sobre a revisão ética de pesquisas em ciências humanas e sociais pelo Sistema CEP/Conep. Revista bioética, v. 22, n. 3, p. 482-92, 2014.

CAMPOS, R. H. F. A pesquisa em ciências humanas, ciências sociais e educação: questões éticas suscitadas pela regulamentação brasileira. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 46, p. 1-20, 2020. 

CARVALHO, I. C. M.; MACHADO, F. V. A regulação da pesquisa e o campo biomédico: considerações sobre um embate epistêmico desde o campo da educação. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 9, n. 1, p. 209-234, jan./jun. 2014.

CARVALHO, I. C. M.; LA FARE, M.; PEREIRA, M. V. Apresentação – dossiê Regulação da Ética na Pesquisa. Educação, Porto Alegre, v. 40, n. 2, p. 148-149, jan./abr. 2017.

CARVALHO, J. M. Com Spinoza, pensando uma ciência ético-política e um referencial ético para a educação. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 23, p. 1 – 16, 2018. 

COSTA, G.; CARTAXO, R.; BARBOSA, M.; CELINO, S. Conhecimento de docentes universitários sobre a atuação do comitê de ética em pesquisa. Revista Bioética, Brasília, v. 20, n. 3, p. 468-78, 2012.

CURY, C. R. J. Alguns apontamentos legais em torno da ética na pesquisa. Revista História e Perspectiva, Uberlândia, v. 28, n. 52, p. 39-50, jan./jul. 2015.

DE LA FARE, M. de; MACHADO, F. V.; CARVALHO, I. C. M. Breve revisão sobre regulação da ética em pesquisa: subsídios para pensar a pesquisa em educação no Brasil. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 9, n. 1, p. 247-283, jan./jun. 2014.

DE LA FARE, M.; CARVALHO, I. C. M.; PEREIRA, M. V. Ética e pesquisa em educação: entre a regulação e a potencialidade reflexiva da formação. Educação, Porto Alegre, v. 40, n. 2, p. 192-202, jan./abr. 2017.

DE LA FARE, M.; CARVALHO, I. C. M. Ética e pesquisa em Educação: tensões entre autonomia e regulação. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 103-120.

DE LA FARE, M.; SAVI NETO, P. A regulação da conduta dos pesquisadores na ciência brasileira: um problema de pesquisa ou um problema para a pesquisa em Educação? Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 14, n. 1, p. 1-14, jan./abr. 2019.

DINIZ, D. A pesquisa social e os comitês de ética no Brasil. In: FLEISCHER, S.; SCHUCH, P. (Orgs.). Ética e regulamentação na pesquisa antropológica. Brasília: Letras Livres e Editora da UnB, 2010. p. 183-192.

DINIZ, D.; GUERRIERO, I. C. Z. Ética na pesquisa social: desafios ao modelo biomédico. Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 78-90, dez. 2008.

DUARTE, L. F. D. Práticas de poder, política científica e as ciências humanas e sociais: o caso da regulação da ética em pesquisa no Brasil. História Oral, v. 17, n. 2, p. 9 – 29, jul./dez. 2014.

DUARTE, L. F. D. Ética em pesquisa nas Ciências Humanas e o imperialismo bioético no Brasil. Revista Brasileira de Sociologia, v. 3, n. 5, p.  31-52, jan./jun. 2015.

DUARTE, L. F. D. Cronologia da luta pela regulação específica para as Ciências Humanas e Sociais da avaliação da ética em pesquisa no Brasil. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 12, n.1, jan./abr. 2017.

EDITORIAL. Revisão ética na pesquisa em ciências humanas e sociais. Educação & Sociedade, Campinas, v. 36, n. 133, p. 857-863, out./dez., 2015.

EDLER, F. A húbris bioética: rumo a uma polícia epistemológica? Revista Brasileira de Sociologia, v. 3, n. 05, p. 97-113, jan./jun. 2015.

FARIA FILHO, L. M. Aula, autoria e reconhecimento: implicações para a pesquisa sobre os currículos da escola básica no Brasil. Educação, Porto Alegre, v. 40, n. 2, p. 203-208, jan./abr. 2017.

FLEISCHER, S.; SCHUCH, P. (Orgs.). Ética e regulamentação na pesquisa antropológica. Brasília: Letras Livres e Editora da UnB, 2010.

FONSECA, C.  Situando os comitês de ética em pesquisa: o sistema CEP (Brasil) em perspectiva. Horizontes Antropológicos, Porto Alegre, v. 21, n. 44, p. 333-369, jul./dez. 2015.

FRANCISCO, D. J.; SANTANA, L. Resolução 510/2016: reflexões desde a inserção em um comitê de ética em pesquisa. Mundaú, Maceió, n. 2, p. 67-79, jan./jun. 2017.

GRISOTTI, M. A ética em pesquisa com seres humanos: desafios e novas questões. Revista Brasileira de Sociologia, Porto Alegre, v. 3, n. 5, p. 159-175, jan./jun. 2015. 

GUERRIERO, I. C. Z. O desafio da elaboração de diretrizes éticas específicas para Ciências Sociais e Humanas no Brasil. Revista Faculdad Nacional de Salud Pública, v. 23, p. 93 – 102, 2015.

GUERRIERO, I. C. Z. Resolução nº 510 de 7 de abril de 2016 que trata das especificidades éticas das pesquisas nas ciências humanas e sociais e de outras que utilizam metodologias próprias dessas áreas. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 21, n. 8, p. 2619-2629, ago. 2016.

GUERRIERO, I. C. Z.; DALLARI, S. G. The need for adequate ethical guidelines for qualitative health research. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 13, n. 2, p. 303-311, abr. 2008. 

GUERRIERO, I. C. Z.; BOSI, M. L.M. Ética em pesquisa na dinâmica do campo científico: desafios na construção de diretrizes para ciências humanas e sociais. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 20, n. 9, p. 2615-2624, 2015.

GUERRIERO, I. C. Z.; MINAYO, M. C. de S. O Desafio de revisar aspectos éticos das pesquisas em ciências sociais e humanas: a necessidade de diretrizes específicas. Physis: Revista de Saúde Coletiva, v. 23, n. 3, p. 763-782, jul./set. 2013.

GUIMARÃES, S. Povos indígenas e a legislação sobre ética em pesquisa no Brasil: relatos de uma pesquisa em saúde indígena. Mundaú, Maceió, n. 2, p. 80-95, jan./jun. 2017.

HARAYAMA, R. M. Os novos desafios da etnografia: para além da resolução n° 510/2016. Mundaú, Maceió, n. 2, p. 22-37, jan./jun. 2017.

DE LA FARE, M.; MACHADO, F. V.; CARVALHO, I. C. M. Breve revisão sobre regulação da ética em pesquisa: subsídios para pensar a pesquisa em educação no Brasil. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 9, n. 1, p. 247-283, jan./jun. 2014.

DE LA FARE, M.; CARVALHO, I. C. M.; PEREIRA, M. V. Ética e pesquisa em educação: entre a regulação e a potencialidade reflexiva da formação. Educação, Porto Alegre, v. 40, n. 2, p. 192-202, jan./abr. 2017.

LEMOS, P. B. S.; AQUINO, F. J. A. O conceito de risco nas resoluções brasileiras que regulamentam a revisão ética da pesquisa envolvendo seres humanos. Research, Society and Development, Itajubá, v. 10, n. 7, p. 1-19, 2021.

LIMA, A. B. de. Ética em pesquisa: implicações para a educação superior. Crítica Educativa, Sorocaba, v. 1, n. 1, p. 8 – 20, jan./jun. 2015.

MACEDO, J. L. de. Quando a ética se torna moral: considerações sobre o sistema CEP no Brasil. Mundaú, Maceió, n. 2, p. 54-66, jan./jun. 2017.

MACHADO, F. V.; MACHADO, P. S. Assimetrias na regulação da ética em pesquisa: notas sobre as potencialidades políticas e pedagógicas do sistema CEP/CONEP. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 139-160.

MacRAE, E.; VIDAL, S. Resolução 196/96 e a imposição do modelo biomédico na pesquisa social: dilemas éticos e metodológicos do antropólogo pesquisando o uso de substâncias psicoativas. Revista de Antropologia, São Paulo, v. 49, n. 2, p. 645-666, jul./dez. 2006.

MAINARDES, J. A ética na pesquisa em Educação: desafios atuais. In: CARVALHO, M. V. C. de; CARVALHÊDO, J. L. P.; ARAUJO, F. A. M. Caminhos da Pós-Graduação em Educação no Nordeste do Brasil: avaliação, financiamento, redes e produção científica. Teresina: EDUFPI, 2016, p. 73-82.

MAINARDES, J. Apresentação – Seção Temática “Ética na Pesquisa”. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 9, n. 1, p. 197-198, jan./jun. 2014.

MAINARDES, J. A ética na pesquisa em educação: panorama e desafios pós-Resolução CNS nº 510/2016. Educação, Porto Alegre, v. 40, n. 2, p. 150 -173, jan./abr. 2017.

MARRIEL, N. Comitês de ética em pesquisa: burocracia ou parceria? Uma visão pedagógica do papel educativo dos comitês no progresso das pesquisas. Revista de Educação do Cogeime, São Paulo, v. 16, n. 31, p. 21-36, dez. 2007.

MARTINS, E. C. de R. Vitam Impendere Vero: moral e verdade na pesquisa. Revista História e Perspectiva, Uberlândia, v. 28, n. 52, p.13-37, jan./jul. 2015.

MATTOS, D. O problema ético nas pesquisas em ciências humanas: metodologias, procedimentos e adequações legais. In: QUADROS JUNIOR, J. F. S. de (Org.). Discussões epistemológicas: Ciências Humanas sob uma ótica interdisciplinar. São Luís: EDUFMA, 2016. p. 61-85.

MOTTA, M. G. C.; ARAÚJO, C. A. D. A História e os itinerários da ética em pesquisa no escopo da UFRGS. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 63-76.

NOGUEIRA, V. M. R.; SILVA, V. R. da. Ética em pesquisa, Plataforma Brasil e a produção de conhecimento em ciências humanas e sociais. Ser Social, v. 14, n. 30, jan./jun. 2012.

NOVOA, P. C. R. O que muda na Ética em Pesquisa no Brasil: resolução 466/12 do Conselho Nacional de Saúde. Einstein, São Paulo, v. 12, n. 1, p. VII-X, jan./mar. 2014.

PEIXOTO, P. Ética e regulação da pesquisa nas Ciências Sociais na sociedade do consentimento. Educação, Porto Alegre, v. 40, n. 2, p. 148-149, jan./abr. 2017.

ROCHA, K. A.; VASCONCELOS, S. M. R. Compliance with National Ethics Requirements for Human-Subject Research in Non-biomedical Sciences in Brazil: A Changing Culture? Science and Engineering Ethics, p. 1- 13, 2018. 

SANTOS, L. A. C.; JEOLÁS, L. Apresentação:  A pesquisa e sua ética, o poder e sua norma. Revista Brasileira de Sociologia, v. 3, n. 5, p. 1 – 23, jan./jun. 2015. (Dossiê – Comitês de Ética em Pesquisa: caminhos e descaminhos teórico-metodológicos).

SANTOS, L. A. de C.; JEOLÁS, L. Uma comissão nacional de ética em pesquisa, as ciências biomédicas e as ciências humanas: trespassing à brasileira. Revista Brasileira de Sociologia, v. 3, n. 5, p. 241-259, jan./jun. 2015.

SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. Ética e Pesquisa em Educação: questões e proposições às Ciências Humanas e Sociais. Porto Alegre: UFRGS Editora, 2017.

SANTOS, L. H. S. Por um babelismo ético na educação: reflexões acerca das implicações e possibilidades de proceder à ética constitutiva dos modos de se fazer pesquisa. Educação, Porto Alegre, v. 40, n. 2, p. 174-182, jan./abr. 2017.

SANTOS, P. C.; NASCIMENTO, E. G. C. Comitê de ética em pesquisa com seres humanos: o que é necessário saber para aprovar um projeto de pesquisa? Mossoró: UERN, 2018. 

SARTI, C. A ética em pesquisa transfigurada em campo de poder: notas sobre o sistema Cep/Conep. Revista Brasileira de Sociologia, Porto Alegre, v. 3, n. 5, p.  79-96, jan./jun. 2015.

SARTI, C.; DUARTE, L. F. D. (Orgs.). Antropologia e ética: desafios para a regulamentação; Brasília: ABA, 2013. 

SARTI, C.; PEREIRA, E. L.; MEINERZ, N. Avanços da resolução 510/2016 e impasses do sistema Cep/Conep. Mundaú, Maceió, n. 2, p. 8-21, jan./jun. 2017.

SAVI NETO, P.; DE LA FARE, M. Regulação da pesquisa em educação: tensões entre autonomia ética e heteronomia normativa. Educação & Sociedade, Campinas,  v. 40,  p. 1-17, 2019 .  

SAVI NETO, P.; FARE, M. de la; SILVA, D. S. da. Ética, autonomia e pesquisa em educação: questionamentos à regulação brasileira da conduta dos pesquisadores. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 25, e250013, p. 1 -22, 2020.   

SCHMIDT, M. L. S. Ética e regramento em pesquisa nas ciências humanas e sociais. Revista Brasileira de Sociologia, v. 3, n. 5, p. 115-132, jan./jun. 2015.

SILVA, E. Q.; PORTELA, S. C. O. Ética em pesquisa: análise das (in)adequações do atual sistema de revisão ética concernentes à pesquisa social. Mundaú, Maceió, n. 2, p. 38-53, jan./jun. 2017.

SILVEIRA, R. A. T.; HÜNING, S. M. A tutela moral dos comitês de ética. Psicologia & Sociedade, Florianópolis, v. 22, n. 2, p. 388-395, maio/ago. 2010.

SIQUELLI, S. A. Aspectos éticos em dissertações e teses do PPGE/UFSCar à luz da resolução CNS 196/96. 2011. 116 f. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2011.

SIQUELLI, S. A. Ética en Investigación de Educación y la Resolución 196/96: una realidad brasileña. REICE. Revista Iberoamericana sobre Calidad, Eficacia y Cambio en Educación, v. 11, n. 3, p. 111-122, 2013.

SIQUELLI, S. A. O que mudou para as pesquisas em Educação? Possibilidades de parâmetros éticos e políticos. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 77-99.

SIQUELLI, S. A.; HAYASHI, M. C. P. I. Ética em pesquisa de educação: uma leitura a partir da resolução 196/96 com expectativas da resolução 466/12. História e Perspectivas, Uberlândia, n. 52, p. 65-81, jan/jul. 2015.

SIQUELLI, S. A.; HAYASHI, M. C. P. I. Ética em Pesquisa de Educação no Brasil e Resolução 196/96 do Conselho Nacional da Saúde. In: ALMEIDA, L.; SILVA, B.; FRANCO, A. (Orgs). Livro de Atas do II Seminário Internacional “Contributos da Psicologia em Contextos Educativos”. Braga/Portugal: Universidade do Minho, 2012, p. 90-100.

SOBOTTKA, E. A. Regulamentação, ética e controle social na pesquisa em ciências humanas. Revista Brasileira de Sociologia, v. 3, n. 05, p. 53-77, jan./jun. 2015.

TEIXEIRA, W. M. As controvérsias da regulamentação da ética em pesquisa com seres humanos no Brasil. 2017. 124 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, 2017.

TOMANIK, E. A. A ética e os comitês de ética em pesquisa com seres humanos. Psicologia em Estudo, Maringá, v. 13, n. 2, p. 395-404, abr./jun. 2008.

ZALUAR, Alba. Ética na pesquisa social: novos impasses burocráticos e paroquiais. Revista Brasileira de Sociologia, Brasília, v.3, n.5, p. 133-157, jan./jun. 2015.


Aplicação da ética na pesquisa em diferentes contextos educacionais (pesquisa com crianças, adolescentes, famílias, imagens, fracasso escolar, gênero e sexualidade, Educação Infantil, Educação Matemática, Pedagogia Hospitalar, EAD, Educação ambiental etc)

ANDRADE, E. A.; FERREIRA, M. Construir o consentimento informado numa pesquisa com crianças imigrantes: traduções e traições. Humanidades & Inovações, Palmas, v. 7, n. 28, p. 56-77, 2020.

BADARÓ, A. F. V. et al. Reflexões éticas e bioéticas apontadas nas pesquisas com crianças e adolescentes. Revista Eletrônica Gestão & Saúde, Brasília, v. 6, n. 3, p. 2391-2407, jun. 2015.

BARBOSA, M. C. S. A ética na pesquisa etnográfica com crianças: primeiras problematizações. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 9, n. 1, p. 235-245, jan./jun. 2014.

BARBOSA, S. N. S. “Deixa eu escrever meu nome aí?”: o assentimento como estratégia ética e metodológica na pesquisas com crianças. In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 185-204.

BENDATI, M. M. A.; ZUCOLOTTO, A. M. O papel educativo dos Comitês de Ética em Pesquisa com seres humanos nos Institutos federais: contribuições para a formação profissional e tecnológica. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, v. 1, n. 20, e10392, p. 1-20, 2021.

BONIN, I. T.; RIPOLL, D.; SANTOS, L. H. S. Ética, pesquisa e imagem de povos indígenas. Teias, Rio de Janeiro, v. 16, n. 42, p. 106-125, jul./set. 2015.

BONIN, I. T.; BERGAMASCHI, M. A. Ética e pesquisa com povos indígenas: vulnerabilidade ou protagonismo?. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 241-262.

BRITO, R.; DIAS, P. A participação ética de crianças com menos de 8 anos em investigação qualitativa. Revista EDaPECI, São Cristovão, v. 17, n. 2, p. 16 – 29, maio./ago. 2017.

BURKE, T. B. Bioética e a comunidade surda. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 189-208.

CAMPOS, J. B. Resenha: Ética: pesquisa e práticas com crianças na Educação Infantil. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 14, n. 3, set./dez. 2019.CASTRO, T. S. Research, children an ethics: an ongoing dialogue. Revista EDaPECI, São Cristovão, v. 17, n. 2, p. 81-92, maio./ago. 2017.

CANCIAN, V. A.; BARBOSA, M. C. S.; FERNANDES, S. B. Uma contribuição para o diálogo sobre a ética nas pesquisas com crianças: o compêndio ERIC. Humanidades & Inovações, Palmas, v. 7, n. 28, p. 188-200, 2020.

CARVALHO, C.; Eisenberg, Z. Crianças em pesquisas de adultos. Humanidades & Inovações, Palmas, v. 7, n. 28, p. 260 – 274, 2020. 

CASTRO E SOUZA, M. Avaliação na Educação Infantil como compromisso ético: o que se espera que as crianças aprendam? In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 43-61.

CASTRO, L. G. Conhecer os espaços com as crianças escuta como postura ética. In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 125-146.

CASTRO, T. S. Research, children an ethics: an ongoing dialogue. Revista EDaPECI, São Cristovão, v. 17, n. 2, p. 81-92, maio./ago. 2017.

CIAVATTA, M.; REIS, R.; ROSA, R. da. A ética na pesquisa e os comitês de ética sobre escritos e imagens. Teias, Rio de Janeiro, v. 16, n. 42, p. 7-23, jul./set. 2015.

COSTA, E. P.; COSTA, A. P. O trabalho colaborativo apoiado pelas tecnologias: o exemplo da investigação qualitativa. Revista EDaPECI, São Cristovão, v. 17, n. 2, p. 61-69, maio./ago. 2017.

DESSEN, M. A.; AVELAR, L. P. de; DIAS, R. L. S. Questões éticas na pesquisa com famílias. Paidéia, Ribeirão Preto, v. 8, n. 14-15, p. 169-180, fev./ago., 1998.

DEVRIES, R; ZAN B. A ética na Educação Infantil: o ambiente sócio-moral da escola. Trad. Dayse Batista. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.

DORNELLES, L. V.; FERNANDES N. Estudos da criança e pesquisa com crianças: nuances luso-brasileiras acerca dos desafios éticos e metodológicos. Currículo sem Fronteiras, v. 15, n. 1, p. 65-78, jan./abr. 2015.

DUQUE, E.; CALHEIROS, A. Questões éticas subjacentes ao trabalho de investigação. Revista EDaPECI, São Cristovão, v. 17, n. 2, p. 103- 118, maio./ago. 2017.

FERNANDES, A. P. C. dos. Crianças ribeirinhas com deficiência: dilemas éticos, metodológicos e epistemológicos. Humanidades & Inovações, Palmas, v. 7, n. 28, p. 341-353, 2020.

FERNANDES, N. Ética na pesquisa com crianças: ausências e desafios. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 21, n. 66, p. 759-779, jul./set. 2016.

FERNANDES, N.; CAPUTO, S. G. Quem tem medo das imagens das crianças na pesquisa? – Contributos para a utilização de imagens na pesquisa com crianças. Sociedad e Infancias, Madri, v. 5, p. 5-19, 2021. 

FERRAÇO, C. E.; CARVALHO, J. M. Pensando as dimensões éticas, estéticas e políticas da produção e do uso de imagens nas pesquisas em educação. Teias, Rio de Janeiro, v. 16, n. 42, p. 24-36, jul./set. 2015.

FERREIRA, A.; SOUZA, A. Aspectos éticos nas pesquisas com adolescentes. Revista Bioética, Brasília, v. 20, n. 1, p. 56-59, 2012.

FERREIRA, M. “Branco demasiado” ou… reflexões epistemológicas, metodológicas e éticas acerca da pesquisa com crianças. In: SARMENTO, M. J.; GOUVEA, M. C. S. Estudos da Infância, educação e práticas sociais. Petrópolis: Vozes, p. 143-162. 2008.

FERREIRA, M. “Ela é nossa prisioneira!” – Questões teóricas, epistemológicas e ético-metodológicas a propósito dos processos de obtenção da permissão das crianças pequenas numa pesquisa etnográfica. Reflexão e Ação, Santa Cruz do Sul, v. 18, n. 2, p. 151- 182, jul./dez. 2010.

FIORENTINI, D.; LORENZATO, S. Ética na pesquisa educacional: implicações para a Educação Matemática. In: FIORENTINI, D.; LORENZATO, S. Investigação em Educação Matemática: percursos teóricos e metodológicos. 3. ed. rev. Campinas: Autores Associados, 2009. p. 193-206.

FRANCISCHINI, R.; FERNANDES, N. Os desafios da pesquisa ética com crianças. Estudos de Psicologia, Campinas, v. 33, n. 1, p. 61-69, jan./mar., 2016.

FREITAS, C. R.; BAPTISTA, C. R. Ética: quais tensões habitam o debate sobre infância e deficiência na pesquisa em Educação?. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 227-240.

GILBERTO, I. J. L. A imagem na pesquisa educacional e os princípios éticos da pesquisa. Teias, Rio de Janeiro, v. 16, n. 42, p. 115-124, jul./set. 2015.

GONÇALVES, F.; BUSS-SIMÃO, M.; DEBUS, E. S. D. Das pedrinhas do nosso quintal: ética e sensibilidade metodológica na pesquisa com bebês. Humanidades & Inovações, Palmas, v. 7, n. 28, p. 201-217, 2020. 

GRÜN, M. A Pesquisa em ética na Educação Ambiental. Pesquisa Em Educação Ambiental, São Paulo, v. 2, n. 1, p. 185-205, 2012.

KARNOPP, L. B. Aspectos éticos em pesquisas envolvendo surdos: protagonismo ou vulnerabilidade?. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 209-225.

KRAMER, S. Autoria e autorização: questões éticas na pesquisa com crianças. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n. 116, p. 41-59, jul. 2012.

KRAMER, S. et al. (Orgs.). Ética: pesquisa e práticas com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. 254 p.

KRAMER, S. Des/acertos, silêncios e conflitos éticos: o que você faz com os resultados da sua pesquisa?. In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 235-254.

LEME, M. I. S.; CAGNIN, S.; LEITE, S. A. S. (orgs.). Pesquisa aplicada em Psicologia: implicações éticas. Campinas: Mercado de Letras, 2018. p. 87-119.

LIMA, P. de M. Infância(s), alteridade e norma: dimensões para pensar a pesquisa com crianças em contextos não institucionais. Currículo sem Fronteiras, v. 15, n. 1, p. 94-106, jan./abr. 2015.

LIMA, D. F. de; MALACARNE, D. Ética em pesquisa envolvendo seres humanos: reflexões a partir das experiências da UNIOESTE – ciência e educação. ETD: Educação Temática Digital, Campinas, v. 11, n. 1, p. 175-205, dez. 2009. 

LOPES, D. Q.; SCHLEMMER, E. Considerações éticas, epistemológicas e metodológicas sobre o fazer pesquisa em educação e cultura digital. Revista EDaPECI, São Cristovão, v. 17, n. 2, p. 46-60, maio./ago. 2017.

MACHADO, S.; CARVALHO, R. S. de. Notas de campo: percursos éticos e metodológicos em uma pesquisa com crianças na educação infantil. Humanidades & Inovações, Palmas, v. 7, n. 28, p. 159-175, 2020.

MAIA, M. “Isso é o que eu não sei responder”: o currículo nas palavras das crianças. In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 99-124.

MARCELLO, F. de A. Infância-esquecimento e infância-viagem: Foucault e a ética da pesquisa com crianças. Currículo sem Fronteiras, v. 15, n. 1, p. 127-141, jan./abr. 2015.

MARQUES, D.; AMORIM, A. C. R. de.  Ética, imanência e pesquisa menor. Teias, Rio de Janeiro, v. 16, n. 42, p. 37-48, jul./set. 2015.

NASCIMENTO, A. M. do. “Gostaram da história? Muito bem!”: ser criança e ser aluno na Educação Infantil. In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 147-163.

NASCIMENTO, M. L. B. P. Como se conduz a pesquisa da infância quando a educação é mais um campo a compor seus estudos? Alguns elementos para discussão. Currículo sem Fronteiras, v. 15, n. 1, p. 79-93, jan./abr. 2015.

NETO, E. S.; ALVES, M. L. Implicações éticas da pesquisa educacional: reflexões a partir do problema do fracasso escolar. Revista @mbienteeducação, São Paulo, v. 5, n. 2, p. 152-162, jul./dez. 2012.

NUNES, M. F. R. Uma leitura ética da política de Educação Infantil sobre os direitos das crianças. In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 205-223.

OLIVEIRA, R. S. Quando a técnica é a singularidade a dança descobre a ética. Revista EDaPECI, São Cristovão, v. 17, n. 2, p. 70-80, maio./ago. 2017.

OLIVEIRA, T. R. M. Sobre a bicha do bem: queerizar a ética da pesquisa em educação. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 41, n. 4, p. 1229-1250, out./dez., 2016.

PENA, A. Diálogo, encontro e agir ético: a contribuição das histórias de vida para a formação de professores. In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 167-183.

PENA, A.; SILVA A. I. da; LONTRA, P.; TRUGILHO, R. Aprender a ser: o encontro do eu pesquisador e do eu professor na pesquisa com histórias de vida. In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 225-234.

PEREIRA, R. M. R. Por uma ética da responsividade: exposição de princípios para a pesquisa com crianças. Currículo sem Fronteiras, v. 15, n. 1, p. 50-64, jan./abr. 2015.

PÉREZ, C. L. V.; ora… Ora… Ora… A ética infantil e a pesquisa com as crianças e suas imagens. Teias, Rio de Janeiro, v. 16, n. 42, p. 49-69, jul./set. 2015.

PINTO, A. C.; BASTOS FILHO, J. B. Autoria, autonomia e ética na educação a distância. Perspectiva, Florianópolis, v. 30, n. 1, p. 155 – 172, jan./abr. 2012.

PRADO, R. L. C.; VICENTIN, M. C. G.; ROSEMBERG, F. Ética na pesquisa com crianças: uma revisão da literatura brasileira das Ciências Humanas e Sociais. Childhood & Philosophy, Rio de Janeiro, v. 14, n. 29, p. 43-70, jan./abr. 2018.

PRADO, R. L. C.; FREITAS, M. C. Normas éticas traduzem-se em ética na pesquisa? Pesquisas com crianças em instituições e nas cidades. Práxis Educacional, Vitória da Conquista, v. 16, n. 40, p. 25-46, jul./set. 2020. 

QVORTRUP, J. A dialética entre a proteção e a participação. Currículo sem Fronteiras, v. 15, n. 1, p. 11-30, jan./abr. 2015.

RODRIGUES, D. A. Dimensões éticas da educação inclusiva. In: NOZU, W. C. S.; SIEMS, M. E. R.; KASSAR, M. C. M. Políticas e práticas em Educação especial e inclusão escolar. Curitiba: Íthala, 2021. cap. 1, p. 14-26. 

ROGERS, W.; BALLANTYNE, A. Populações especiais: vulnerabilidade e proteção. RECIIS – Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 31-41, dez. 2008.

SALGADO, M. M.; MÜLLER, F. A participação das crianças nos estudos da infância e as possibilidades da etnografia sensorial. Currículo sem Fronteiras, v. 15, n. 1, p. 107-126, jan./abr. 2015.

SALUTTO, N. Bebês e livros: a relação como princípio. In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 83-96.

SANDRESCHI, P. F.; PETREÇA, D. R.; MAZO, G. Z. Periódicos Brasileiros na área da Educação Física: aspectos éticos e metodológicos das publicações com a população idosa. Revista da Educação Física, Maringá, v. 29, n. 1, e2941, p. 1-8, maio, 2018. 

SANT’ANA, A ética em pesquisa fenomenológica no contexto de atuação de sujeitos educativos envolvidos com a pedagogia social hospitalar. Revista EDaPECI, São Cristovão, v. 17, n. 2, p. 7 – 15, maio./ago. 2017.

SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. Ética e Pesquisa em Educação: questões e proposições às Ciências Humanas e Sociais. Porto Alegre: UFRGS Editora, 2017.

SARMENTO, M. J. Uma agenda crítica para os estudos da criança. Currículo sem Fronteiras, v. 15, n. 1, p. 31-49, jan./abr. 2015.

SCRAMINGNON, G. A pesquisa também é das crianças: o retorno ao campo como resposta responsável. In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 61-82.

SMOLKA, A. L. B.; DAINEZ, D. Da atividade de investigar o desenvolvimento humano no processo de escolarização das crianças – implicações éticas no contexto da Educação Inclusiva. In: LEME, M. I. S.; CAGNIN, S.; LEITE, S. A. S. (orgs.). Pesquisa aplicada em Psicologia: implicações éticas. Campinas: Mercado de Letras, 2018. p. 87-119.

TOLEDO, M. L. P. B. Pátios de escola de Educação Infantil: a dimensão ética das políticas. In: KRAMER, S. et al (Org). Ética: pesquisa e prática com crianças na Educação Infantil. Campinas: Papirus, 2019. p. 21-41.

TREVISAN, G. Aprendizagens na construção de pesquisa com crianças e sobre as crianças. Currículo sem Fronteiras, v.15, n.1, p.142-154, jan./abr. 2015.

WERLE, K.; BELLOCHIO, C. R. Protagonismo infantil, desafios éticos e metodológicos na pesquisa com crianças. Cadernos de Pesquisa, São Luís, v. 23, p. 227-242, set./dez. 2016. 

ZAGO, L. F.; GUIZZO, B. S.; SANTOS, L. H. S. Problematizações éticas: inquietudes para  a pesquisa em educação com gênero  e sexualidade. Inter-Ação, Goiânia, v. 41, n. 1, p. 189-212, jan./abr. 2016.


Fundamentos da ética na pesquisa

BOMBASSARO, L. C. Filosofia, ação e verdade na pesquisa em Educação. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 29-42.

CARVALHO, C. H. de; NETO, W. G. A formação do pesquisador e a dimensão ético-profissional. Revista História e Perspectiva, Uberlândia, v. 28, n. 52, p. 51-64, jan./jul. 2015.

CNPq. Ética e Integridade na Prática Científica. Relatório da Comissão e Integridade de Pesquisa do CNPq.

CUNHA, A. C. Ética, ciência, conhecimento e educação: dialogar com os termos e voltar a fazer perguntas. Revista EDaPECI, São Cristovão, v. 17, n. 2, p. 93-102, maio./ago. 2017.

DINIZ, D. Ética na pesquisa em ciências humanas – novos desafios. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 13, n. 2, p. 417-426, mar./abr., 2008.

DINIZ, D.; SUGAI, A.; GUILHEM, D.; SQUINCA, F; (Orgs.). Ética em pesquisa: temas globais. Brasília: Editora UnB, 2008.

FAPESP. Código de boas práticas científicas. São Paulo: Fapesp, 2014.

FRANCO, T. B. A ética em pesquisa e a estética do conhecimento. Revista Brasileira de Sociologia, v. 3, n. 05, p. 203-213, jan./jun. 2015.

GEWIRTZ, S. A reflexividade ética na análise de políticas: conceituação e importância.  Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 2, n. 1, p. 7 – 12, jan.-jun. 2007.

GOERGEN, P. L. A ética em pesquisa. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 10, n. 2, p. 301-315, jul./dez. 2015.

GRISOTTI, M. A ética em pesquisa com seres humanos: desafios e novas questões. Revista Brasileira de Sociologia, v. 3, n. 05, p. 159-175, jan./jun. 2015.

GUERRIERO, I. C. Z.; SCHMIDT, M. L. S.; ZICKER, F. Ética nas pesquisas em Ciências Humanas e Sociais na Saúde. São Paulo: Hucitec, 2008. (contém capítulos sobre regulamentação).

GUILHEM, D.; DINIZ, D. O que é ética em pesquisa. São Paulo: Brasiliense, 2008.

GUIVANT, J. S. A trajetória das análises de risco: da periferia ao centro da teoria social. Revista Brasileira de Informações Bibliográficas – ANPOCS, n. 46, p. 3-38, 1996.

HERMANN, N. Ética e Educação: outra sensibilidade. Belo Horizonte: Autêntica, 2014.

KOTTOW, M. História da ética em pesquisa com seres humanos. Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde (RECIIS), Rio de Janeiro, v. 2, supl. 1, p. 7-18, dez. 2008.

LIMA, J. C. Ética da pesquisa e ética profissional em sociologia: um começo de conversa. Revista Brasileira de Sociologia, v. 3, n. 05, p. 215-239, jan./jun. 2015.

MACHADO, F. V.; CARVALHO, I. C. M. Educação e ética na pesquisa: bioética, ambiente e não humanos. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 161-178.

RAITZ, T. R.; FERREIRA, V. S.; GUERRA, A. F. Ética e metodologia: pesquisa na educação. Itajaí: Editora Univali, 2006.

RUSSO, M. Ética e integridade na ciência: da responsabilidade do cientista à responsabilidade coletiva. Estudos Avançados, São Paulo, v. 28, n. 80, p. 189-198, 2014. 

SANTOS, L. Da competência no fazer à responsabilização no agir: ética e pesquisa em Ciências Humanas. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 12, n. 1, p. 1 -13, jan./abr. 2017 (ahead of print).

SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. Ética e Pesquisa em Educação: questões e proposições às Ciências Humanas e Sociais. Porto Alegre: UFRGS Editora, 2017.

SARTI, F. M.; SANTOS, G. A. dos. Ética, pesquisa e políticas públicas. Rio de Janeiro: Rubio, 2010.

SEVERINO, A. J. Ética e pesquisa: autonomia e heteronomia na prática científica. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 45, n. 158, p. 776-792, out./dez., 2015.

SEVERINO, A. J. Dimensão ética da investigação científica. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 9, n. 1, p. 199-208, jan./jun. 2014.

SEVERINO, A. J. Pesquisa educacional: da consistência epistemológica ao compromisso ético. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 14, n. 3, p. 901-916, jul./set. 2019.

SILVA, Telma C. (Org.). Ciclo de estudos e debates: procedimentos éticos e a pesquisa em Antropologia. Goiânia: Funape/UFG; Aba, 2014.

SOUZA, C. G. de. Resenha: O que é ética em pesquisa; de Dirce Guilhem & Debora Diniz. RECIIS – Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 98-100, dez. 2008.

TORRES, V. G. A.; ALVES, L. R. G. A responsabilidade ética na pesquisa nas Ciências Humanas e Sociais: uma reflexão sob a perspectiva da integridade na comunidade científica. Revista EDaPECI, São Cristovão, v. 17, n. 2, p. 30-45, maio./ago. 2017.

VEIGA-NETO, A. Para pensar de outro modo a ética na pesquisa. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 265-300.

VÍCTORA, C. et al. (Orgs.). Antropologia e ética: o debate atual no Brasil. Niterói: Eduff, 2004. (Inclui capítulos sobre regulamentação).

WESCHENFELDER, V. I.; FABRIS, E. H.  Alteridade na pesquisa em educação: por uma ética do desconforto. Revista Educação e Cultura Contemporânea, Rio de Janeiro, v. 15, n. 39, p. 115-134, 2018.


Plágio e ética na publicação 

CASTIEL, L. D.; MORAES, D. R.; SILVA, C. S. P. O publicacionismo transbordante no contexto acadêmico sanitário: ensaio sintomático sob a forma de reportagem – um recorte (e cola). In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 301-317.

DINIZ, D.; MUNHOZ, A. T. M. Cópia e pastiche: plágio na comunicação científica. Argumentum, Vitória, v. 3, p. 11-28, 2011.

KROKOSCZ, M. Abordagem do plágio nas três melhores universidades de cada um dos cinco continentes e do Brasil. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 16, n. 48, p. 745-818, set./dez. 2011.

KUHLMANN JR, M. Publicação em periódicos científicos: ética, qualidade e avaliação da pesquisa. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 44, n. 151, p. 16-32, jan./mar., 2014.

MAINARDES, J. Práticas predatórias na publicação. Boletim Técnico do PPEC, Campinas, v. 5, p. 1-5, 2020.

MAINARDES, J. Questões éticas em periódicos científicos de Ciências Humanas e Sociais. Boletim Técnico do PPEC, Campinas, v. 5, p. 1-6, 2020.

MORAES, R. O plágio na pesquisa acadêmica: a proliferação da desonestidade intelectual. Diálogos Possíveis, Salvador, n. 1, p. 91-109, jan./jul. 2004.

MUNHOZ, A. T. M.; DINIZ, D. Nem tudo é plágio, nem todo plágio é igual: infrações éticas na comunicação científica. Argumentum, Vitória, v. 3, p. 50-55, 2011. 

PEZUK, J. et al. El uso de softwares para identificar plagio en textos académicos y educacionales. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 46, 1-22 p. 2020. 

Ética e formação de pesquisadores 

BESSA, J. C. R. Por uma cultura de ética e de integridade do pesquisador em formação inicial. Revista Espaço acadêmico, v. 14, n. 159, p. 114-121, ago. 2014.

DE LA FARE, M.; SAVI NETO, P. A regulação da conduta dos pesquisadores na ciência brasileira: um problema de pesquisa ou um problema para a pesquisa em educação? Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 14, n. 1, p. 319-332, jan. /abr. 2019.

NUNES, J. B. C. Formação de pesquisadores em educação para a ética em pesquisa. In: CARVALHO, M. V. C. de; CARVALHÊDO, J. L. P.; ARAUJO, F. A. M. Caminhos da Pós-Graduação em Educação no Nordeste do Brasil: avaliação, financiamento, redes e produção científica. Teresina: EDUFPI, 2016, p. 59-71.

NUNES, J. B. C. Formação para a ética em pesquisa: um olhar para os programas de pós-graduação em Educação. Educação, Porto Alegre, v. 40, n. 2, p. 183-191, jan./abr. 2017.

NUNES, J. B. C. Ética em Pesquisa nas dissertações e teses da área de Educação: um olhar para a região Nordeste. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 16, p. 1-22, 2021.

PINTO, C. A. S.; MENDONÇA, L. de O. S.; DO MONTE, T. C. L.; NUNES, J. B. C. Ética em pesquisa: Análise das dissertações de um mestrado em Educação cearense. Educação, Porto Alegre, v. 44, n. 2, p. 1-13, 2021.

Ética na prática da pesquisa

BARROS, M. L. T.; MARCONDES, M. I. Ética e pesquisa em educação: uma discussão necessária (resenha do livro Ética e pesquisa em Educação). Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 49, n. 171, p. 332-336, jan./mar. 2019.

BROOKS, R.; TE RIELE, K.; MAGUIRE, M. Ética e pesquisa em Educação. Ponta Grossa: Editora UEPG, 2017. 

CARTA da ASIHVIF – Nossa carta. Revista Brasileira de Pesquisa (Auto) Biográfica, Salvador, v. 01, n. 01, p. 177-179, jan./abr. 2016.

CARVALHO, I. C. M. Ética e pesquisa em Educação: o necessário diálogo internacional. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 13, n. 1, p. 1-10, jan./abr. 2018. 

CASTRO, L. D. de. Pagamento a participantes de pesquisa. RECIIS – Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 54-65, dez. 2008.

GUILHEM, D. Ética em pesquisa: avanços e desafios. RECIIS – Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 91-97, dez. 2008.

LUNA, F. Consentimento livre e esclarecido: ainda uma ferramenta útil na ética em pesquisa. RECIIS – Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 42-53, dez. 2008.

PAIVA, V. L. M. de O. Reflexões sobre ética e pesquisa. Revista Brasileira de Linguística Aplicada, Belo Horizonte, v. 5, n. 1, p. 43-61, 2005.

RATES, S. M. K. Utilização de animais em experimentação científica: uma responsabilidade compartilhada. In: SANTOS, L. H. S.; KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 179-186.

RAYMUNDO, M. M. As características singulares da pesquisa envolvendo seres humanos e as particularidades do processo de consentimento. In: SANTOS, L. H. S.;

KARNOPP, L. B. (Orgs.). Ética e pesquisa em Educação: questões e proposições às ciências humanas e sociais. Porto Alegre: Editora de UFRGS, 2017. p. 121-138.

SCHROEDER, D. Obrigações pós-pesquisa. Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 66-77, dez. 2008.

SCHÜKLENK. U.; HAVE, D. Questões éticas na pesquisa internacional e em estudos multicêntricos. RECIIS – Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 19-30, dez. 2008.


Procedimentos éticos na pesquisa em Educação

MENEZES, J. B.; LIMA, A. M. S.; NUNES, J. B. C. Ética na pesquisa: um estudo sobre teses de doutoramento em educação. Horizontes, Itatiba, v. 38, p. 1-16, 2020.

SAVI NETO, P.; DE LA FARE, M.; NASCIMENTO, I. Ética na pesquisa em Psicologia e Educação em Portugal: contributos para pensar o caso brasileiro. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 15, p. 1-20, 2020.

Ética e docência

CENCI, A. V. Ética na profissão docente universitária. In: TESTA, Edimárcio (org.). Ética, educação e meio ambiente. Passo Fundo: Editora Universidade de Passo Fundo, 2008. p. 83 – 127.

ESTRELA, M. T. A Ética na docência universitária: entre o ideal e o real. In: ALMEIDA, Filipe e outros (org.). Fraude e Plágio na Universidade: a urgência de uma cultura de integridade no ensino superior. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra. 2016, p. 153-194.  

FENSTERSEIFER, P. E. Ética e educação: reflexões acerca da docência. Revista de Educação, Santa Maria, v. 34, n. 3, set./dez. 2009. 

RIOS, T. A. Ética e competência. São Paulo: Cortez, 2011.

SEVERINO, A; FERNANDES, C. M. B; GHIGGI, G; GOERGEN, P: GUZZO, P. Ética e Formação de Professores. Francisca Eleodora Santos Severino (Org.). São Paulo: Atlas, 2011.

SILVA, P. F. da; ISHII, I.; KRASILCHIK, M. Código de ética docente: um dilema. Educação em revista. Belo Horizonte, 2020, v. 36, p. 2 – 12, 2020.


Documentos de associações estrangeiras

AARE. Australian Association for Research in Education. AARE Code of Ethics, 1993.

AERA. Code of Ethics – American Educational Research Association. Educational Researcher, v. 40, n. 3, p. 145-156, 2011.

Tradução: American Educational Research Association – AERA CÓDIGO DE ÉTICAPráxis Educativa, Ponta Grossa, v. 12, n. 3, set./dez. 2017.

Comentários

MAINARDES, J. Comentários sobre o Código de Ética da AERA. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 12, n. 3, set./dez. 2017.

APA. American Psychological Association. Normas éticas e legais em publicações. In: APA. Manual de publicação da APA. 6. ed. Porto Alegre: Penso, 2012. 

BERA. British Educational Research Association. Ethical guidelines for educational research. London: Bera, 2011.

BERA. Guía ética para la investigación educativa. Londres: Bera, 2019.

BERA. Diretrizes Éticas para Pesquisa em Educação. Londres: Bera, 2022.

CANADA. Tri-Council Policy Statement: Ethical Conduct for Research Involving Humans – TCPS 2 (2018). 

DGfE. Deutsche Gesellschaft für Erziehungswissenschaft. Code of Ethics of Deutsche Gesellschaft für Erziehung- swissenschaft. Berlin: DGfE, 1999. GERA.  Code of Ethics of  Deutsche Gesellschaft für Erziehungswissenschaft, DGfE (German Educational Research Association, GERA).

NORWAY.  Guidelines for Research Ethics in the Social Sciences, Humanities, Law and Theology. National Comittees for Research Ethics in Norway, 2016. 

SERA. Scottish Educational Research Association. Ethical Guidelines for Educational Research. 2005.


Vídeos

1 – Ética em Pesquisa em Ciências Humanas Sociais – Débora Diniz 

2 – Seminário “Ética e Pesquisa em Educação” – Unirio – 2016. Mesa “Educação, ética e democracia”.

3 – Seminário “Ética e Pesquisa em Educação” – Unirio – 2016 – Andrea Gouveia (Presidente da ANPEd)

4 – Seminário “Ética e Pesquisa em Educação” – Unirio – 2016 – Jefferson Mainardes

5 – Ética na Pesquisa – Carlos Roberto Jamil Cury (UFMG) – 2017 – 38ª ANPEd

6 – Live: Ética e Pesquisa em Educação – PPGE/UEPG – 23/06/2020

7 – Live ANPEd Presente na Quarentena – 29/07/2020 – Ética em Pesquisa

8 – Reunião CEP UNIFESP – Thiago Motta Sampaio e Sandra Fernandes Leite (03/12/2020)

9 – XXV EPEN – Sessão especial 4 – Ética em pesquisa na área de Humanidades: desafio emergente (11/02/2021)

10 – Aula Inaugural do PPGEduC/UNEB (2021) – A Ética na Pesquisa em Educação: um diálogo necessário – João Batista Carvalho Nunes (12/04/2021)

11 – Aula inaugural – PPGE/UFPE (2021) – Ética e pesquisa em Educação – Jefferson Mainardes (29/03/2021)

12 – Aula inaugural – PPGE/UFGD (2021) – Ética e pesquisa em educação: desafios contemporâneos – Jefferson Mainardes (19/04/2021)

13 – Live Anped – 21/07/2021 – Ética e Integridade acadêmica

14 – 40ª Reunião Nacional da Anped – Sessão Conversa 13 – Comitês de Ética em Pesquisa de Ciências Humanas e Sociais: possibilidades e desafios.

Pular para o conteúdo